Carreira

O Poder do Network

Se a simples menção da palavra “network” já te dá arrepios, acredite, eu entendo. Também era assim até bem pouco tempo. Fazer network, pra mim, significava uma situação desconfortável em que você encontrava alguém do mesmo meio profissional e tentava uma aproximação tímida, já pensando que não ia dar certo. Se identificou?

Então está na hora de rever seus conceitos. Além de não ser um bicho de 7 cabeças, o network é provavelmente uma das melhores oportunidades de conhecer potenciais empregadores, clientes ou parceiros. Posso falar isso de carteirinha pois assim que deixei o medo para trás, consegui dois clientes em questão de semanas! Pense na sua carreira e quantas vezes você soube ou foi indicada a uma posição graças aos seus contatos. Tá vendo como o network é fundamental?

 Já começou a mudar de ideia mas não sabe como agir? Vamos às famosas dicas:

– Mexa-se. A internet é ótima mas fazer contatos “olho no olho” é ainda melhor. Vá a todos os eventos que puder, inscreva-se em workshops, palestras e tudo mais que reúna profissionais da sua área. Quando estiver lá, circule, sorria e demonstre uma atitude receptiva. Tome um drinque se for preciso e guarde o celular na bolsa para não se esconder atrás dele. Ah, e mantenha os cartões de visita sempre à mão.

– Pense que provavelmente quase todo mundo também tem vergonha ou fica tímido nesta situação, então relaxe! Fale com naturalidade sobre sua carreira e background mas foque no seu principal interesse (mudar de área? se especializar em um segmento?) para deixar uma imagem clara sobre suas aptidões e objetivos.

– Você admira o palestrante do evento ou viu um outro profissional que é fã? Respire fundo e vá em direção à pessoa no momento oportuno (se ela estiver ocupada, fique por perto). Assim que tiver a chance, elogie seu trabalho (quem não gosta de elogios?), fale brevemente sobre o que você faz e inicie uma conversa. Jamais fale de cara que você está procurando uma vaga na empresa ou que gostaria muito de trabalhar para ele(a). Sutileza conta muitos pontos e ainda evidencia profissionalismo.

– É claro que fazer network via internet também funciona, especialmente com o LinkedIn. Só tenha o cuidado de enviar uma mensagem personalizada quando quiser se conectar com alguém (“I’d like to add you to my professional network on LinkedIn” para um desconhecido é simplesmente péssimo!). Seguir a pessoa no Twitter ou Instagram e interagir, mostrando interesse nos posts e discussões também funciona. Mas tenha bom senso para não se transformar em stalker ou naqueles seres inconvenientes que pedem para serem bloqueados!

– Lembre-se: o mais importante é ter e mostrar um interesse genuíno em trocar experiências e ampliar a rede de contatos. Por mais que pareça intimidador no primeiro momento, uma vez que a atividade é encarada como algo natural, as coisas fluem rapidamente! Simples assim!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.